A escolha do brinquedo certo

A escolha do brinquedo certo

É importante estar atento na hora de comprar um brinquedo para o seu filho. O ideal é aquele objeto que pode ser tocado e explorado. Especialistas recomendam que os brinquedos estejam adequados às necessidades e a cada fase do desenvolvimento infantil. Observe também se o brinquedo possui o selo do INMETRO.

Nos primeiros seis meses de vida, dê preferência a objetos de borracha macia, plástico ou tecido que possam ser fáceis de lavar e higienizar, pois nesta fase a exploração é instintiva, na qual o bebê leva tudo sempre à boca. Assim, não utilize formas pontiagudas para não machucar ou quando muito pequenos, não engolir. Escolha brinquedos com cores vivas e formas variadas para estimular as primeiras experiências de percepção de diferenças.

Sugestões de brinquedos:

– Móbiles de berço, coloridos e manipuláveis pela criança;

– Objetos de textura macia para pegar ou morder;

– Brinquedos que emitem som, como chocalhos ou os que tocam músicas;

– Mordedores que massageiam a gengiva;

– Cubos coloridos;

– Bolas de vinil ou pano;

– Livros com páginas coloridas e diversas gravuras.

Dicas para estimular o bebê nos primeiros doze meses:

Primeiro mês: A atenção do seu filho é você. Nesta fase o importante é estimular os sentidos, acariciando, cantando e abraçando o bebê. Na hora em que ele chorar, mostre que está por perto.

De dois a quatro meses: Nesta fase o bebê passa a ter as primeiras reações intencionais, mantendo o olhar fixo nos objetos que o atraem. Utilize móbiles, figuras, objetos de cores vibrantes, como mordedores e chocalhos. Coloque música, imite os sons que ele produz e cante para ele.

De cinco a sete meses: Neste período o bebê se volta para a direção de onde vem algum som, e também começa a produzir ruídos com o intuito de chamar a atenção. Geralmente por volta dos sete meses a criança já atende quando chamada pelo nome. Assim, ofereça objetos com textura e sons agradáveis, que ela possa manusear sem perigo.

De oito a dez meses: Coloque o bebê no chão com todos os brinquedos, a fim de que ele parta à sua procura.  Neste momento a criança já consegue interagir com jogos simples, estimulando a se arrastar e engatinhar. Acessórios de plástico para o banho, bonecos e bichinhos de pelúcia são recomendados nesta fase. Empilhe brinquedos, monte blocos e permita que ele derrube tudo. Fale sílabas repetidamente para que a criança as memorize.

De onze meses a um ano: A fala da criança encontra-se em pleno desenvolvimento, repetindo quase tudo o que escuta. É comum reproduzirem suas falas com o telefone ao ouvido, e também concentrar-se num período curto de tempo ouvindo alguma história. Mostre livros grandes com figuras coloridas, leia variadas historinhas simples com uma entonação expressiva para estimular a concentração. Brinquedos com formas geométricas (círculos, cubos, triângulos de plástico) são uma boa pedida, pois auxiliam a criança a reconhecer tais objetos.