Gravidez tardia é tendência irreversível

A idade que as mulheres consideram ideal para ter filhos tem aumentado, e de forma constante – elas preferem, antes de se tornarem mães, sentir segurança com seus trabalhos e com a vida financeira, mas a maioria conhece os riscos da maternidade tardia.

No Reino Unido, por exemplo, quase 50% dos partos, atualmente, são em mulheres com mais de 30 anos, e o número de bebês nascidos de mães com mais de 40 tem crescido rapidamente. O quadro preocupa médicos, já que a gravidez tardia aumenta riscos de aborto espontâneo e resulta em partos complicados.

Saiba mais.

Gravidez tardia é tendência irreversível