Na volta ao trabalho, deixar o filho em casa ou na escolinha?

Após o final da licença-maternidade, podem surgir preocupações quanto a com quem ou onde deixar o bebê. Para isso, é preciso considerar vários aspectos.

Em casa, é necessário confiar muito no adulto que vigiará o bebê, seja a avó ou uma babá, por exemplo, além do ambiente caseiro não oferecer tanto profissionalismo ou definição de rotina quanto no berçário. O ambiente, porém, deixa a criança mais tranquila e segura, pois é conhecido e não a expõe a viroses.

Se optar por um berçário, a escolha do local é fundamental. Os pais devem visitar e avaliar bem antes de decidir. Apesar da maior suscetibilidade a doenças, a exposição pode ser saudável, contanto que na medida certa. O berçário traz, certamente, o benefício do cuidado por profissionais, garantindo tranquilidade aos pais.

Seja qual for sua decisão, procure não sentir culpa por ficar longe do bebê. É uma fase natural a todas as mamães que trabalham, e com o tempo tudo se acerta.

Saiba mais.

Na volta ao trabalho, deixar o filho em casa ou na escolinha?